Lava Jato no Rio mira dez deputados estaduais em investigação sobre 'mensalinho'

Chiquinho da Mangueira (PSC), presidente da Mangueira, e André Corrêa (DEM), ex-secretário, estão presos. PF também busca documentos na Alerj e na sede do governo.


Lava Jato no Rio mira dez deputados estaduais em investigação sobre 'mensalinho'
Alguns dos alvos da Operação Furna da Onça: Affonso Monnerat, André Correa, Chiquinho da Mangueira,

A Polícia Federal prendeu 20 pessoas em um desdobramento da Operação Lava Jato na manhã desta quinta-feira (8). Dos 22 mandados de prisão, 10 são contra deputados estaduais do Rio de Janeiro - ou um sétimo da Alerj.

As investigações apontam que os envolvidos recebiam propinas mensais que variavam de R$ 20 mil a R$ 100 mil - além de cargos - para votar de acordo com o interesse do governo. O esquema teria movimentado pelo menos R$ 54 milhões, segundo a PF continua>>>